policial

Vendedor de algodão doce e mais dois são assassinados em poucas horas na PB

149038,362,80,0,0,362,271,0,0,0,0Em mais uma noite marcada por assassinatos, a Paraíba registrou três mortes e uma tentativa de homicídio em um intervalo de poucas horas, entre a noite desse sábado (14) e a madrugada do domingo (15). Crimes ocorreram no bairro do Rangel, Zona Oeste da Capital; no município de Sousa, no Sertão; e em Sapé, na Zona da Mata. Na cidade do Conde, na Grande João Pessoa, um jovem foi baleado na cabeça.

Em Sousa, a 438 km de João Pessoa, um vendedor de algodão doce de 35 anos foi morto com três disparos de arma de fogo, tendo dois atingido a cabeça e um o tórax. O crime aconteceu no Conjunto Frei Damião, nas proximidades do Centro da cidade, às 22h25 do sábado. A Polícia Militar informou que já identificou um suspeito pela ocorrência, mas ele permanecia foragido. As motivações eram desconhecidas. Diligências eram feitas com o objetivo de encontrar e capturar o suspeito.

Na cidade de Sapé, a 55 km da Capital, um homem de 40 anos foi morto a tiros nas proximidades de um bar, no bairro Bela Vista, por volta da 0h40. De acordo com a agente Cecília, da Polícia Civil, a vítima respondia por um estupro que teria sido cometido em Mamanguape, também na Zona da Mata. Ela informou que ninguém presenciou o crime e que não havia suspeitos, mas que era grande a probabilidade de o crime estar relacionado ao tráfico de drogas local.

“Ano passado registramos 30 homicídios em Sapé. Desse total, apenas dois não tinham relacionamento com o tráfico”, disse a agente, acrescentando que este foi o primeiro assassinato do mês de março no município.

O terceiro homicídio, ocorrido durante a madrugada no bairro do Rangel, em João Pessoa, foi confirmado pela PM, mas a guarnição ainda não tinha dados sobre a identificação da vítima e como o crime ocorreu.

No município do Conde, na Grande João Pessoa, também pela madrugada, um jovem de 21 anos sofreu dois tiros na cabeça. Conforme a PM, o crime ocorreu no loteamento Nossa Senhora da Conceição. Ele foi socorrido por uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência para o Hospital de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena, na Capital. A instituição de saúde ainda não havia divulgado o boletim médico com detalhes do quadro clínico da vítima.

 

Com Portal Correio

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios