Educação

Trio é preso acusado de tráfico; um deles é suspeito de participar da morte de um policial civil

Apreensão na boca de fumo
Apreensão na boca de fumo

Três jovens foram presos acusados de tráfico de drogas e porte ilegal de armas, na comunidade Rua do Rio, no bairro Cruz das Armas, na madrugada desta terça-feira (16), em João Pessoa. Entre os presos está o ex-presidiário Hércules Ferreira de Sousa, 26 anos, conhecido como Carandiru, que é apontado como um dos responsáveis pela morte de um agente da Polícia Civil.

De acordo com a tenente Viviane Vieira, do 5º BPM, guarnições da Polícia Militar estavam realizando rondas pela comunidade, quando um viciado em drogas parou as viaturas e informou que estava devendo a uma boca de fumo na localidade e temia ser morto. “O jovem viciado disse onde ocorria o tráfico e ficamos monitorando a residência. Quando percebemos a movimentação, fomos até o local e conseguimos prender três jovens”.

De acordo com a policial, Lindinaldo dos Santos Lira, 18 anos, e o ex-presidiário Gilvan Sales de Melo, 18 anos, faziam a segurança do tráfico. “Os dois acusados estavam na parte externa da casa fazendo a segurança do local. Com eles, conseguimos apreender dois revólveres calibre 38”.

A tenente disse que dentro da casa os policiais conseguiram apreender 160 pedras de crack, duas pedras totalizando 50g, 7 tabletes de maconha e R$ 510 em espécie. Os acusados foram encaminhados para a 1ª DD, em Cruz das Armas.

“Há uma suspeita deu que o Hércules Ferreira teria participação na morte do agente de investigação da Polícia Civil, Sérgio de Souza Azevedo, no mês passado, em frente a uma churrascaria, na cidade de Bayeux, mas ainda nada confirmado”, disse a tenente comunicando que participaram da ação, os policiais da Rotam, Força Tática e CPU do 5º BPB.

Por Hyldo Pereira

Portal Correio

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios