Destaques

Termina greve de servidores técnicos da UFCG, mas professores seguem parados

156549,362,80,0,0,362,271,0,0,0,0Os técnico-administrativos da Universidade Federal de Campina Grande (UFCG) aprovaram nesta quarta (23), por unanimidade, a proposta de finalização da greve da categoria e o retorno às atividades a partir desta segunda (28), em todos os campi da UFCG no estado. A greve durou 120 dias. Já os professores da instituição continuam sem trabalhar.

 

A reunião que permitiu a decisão ocorreu nesta quarta (23), na sede do Sindicato dos Servidores da UFCG (Sintesuf). De acordo com João Luís dos Santos, presidente do sindicato, a greve dos servidores não conseguiu obter o índice de reajuste esperado pela categoria, mas outros itens da pauta de reivindicações foram acatados pelo governo federal.

“Conquistamos um reajuste nos vencimentos de 10,8%, divididos nos próximos dois anos, além do reajuste nos benefícios, como o auxílio-alimentação que passará de R$ 373 para R$ 458, o plano de saúde que foi de R$ 117,78 para R$ 145 e ainda o auxílio-creche de R$ 73,07 para R$ 321”, disse.

Após a reunião, os servidores foram recebidos em audiência pelo Magnífico Reitor da UFCG, Professor José Edilson de Amorim, que foi comunicado oficialmente da decisão do Sindicato dos Servidores da Universidade Federal de Campina Grande.

 

Com Portal Correio

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios