Destaques

SMS amplia notificação compulsória de doença falciforme

 20140116200349_03A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) irá implantar, a partir do mês de fevereiro, um novo padrão de procedimentos para a ampliação do diagnóstico da doença falciforme. A iniciativa tem como objetivo melhorar o atendimento fornecido ao usuário em João Pessoa e detectar casos em que não houve diagnóstico precoce com o teste do pezinho.

Nos novos padrões, estabelecidos a partir da portaria 024/2013 (SMS/JP), a notificação compulsória da doença foi ampliada para todos os casos de suspeita e não apenas os confirmados pelo teste do pezinho. Para isso, foi criada uma ficha do Sistema de Notificação de Agravos de Notificação (Sinan) própria para a doença falciforme. “Assim, será possível que todas as pessoas que derem entrada nos serviços de saúde, público ou privado, com sinais e sintomas suspeitos da doença sejam notificadas na nova ficha do Sinan”, destacou Dandara Correia, responsável pela Área Temática da População Negra.

A ficha do Sinan, criada para a notificação de casos suspeitos, servirá como fonte de dados para se conhecer a doença no município. A partir desses dados será possível organizar os serviços e as ações de acordo com a realidade. “Por não terem feito o teste do pezinho, algumas pessoas convivem com a doença sem saber. A partir de agora os profissionais estarão mais atentos às pessoas que possuem sintomas suspeitos para poderem encaminhar para os exames e confirmar ou não o diagnóstico”, afirmou Dandara.

Depois de realizada, a notificação será encaminhada à Vigilância Epidemiológica da SMS que, por sua vez, realizará a busca ativa do usuário, juntamente com a área técnica de Saúde da População Negra. Uma vez confirmado o diagnóstico, será providenciada a inclusão do paciente no programa da doença no município e os devidos encaminhamentos para o cuidado. O mesmo acontece para casos com o diagnóstico já confirmado da doença e de traço falciforme.

A ficha que circulará por todos os estabelecimentos de saúde privados ou públicos já passou por testes e estará de forma permanente em avaliação da qualidade, com um amplo processo de aproximação dos serviços e de diálogo com os profissionais de saúde, visando produzir uma melhor qualidade de vida para as pessoas com a doença.

Doença Falciforme – É uma doença do sangue de caráter genético e hereditário, que acomete mais a população negra. É caracterizada pela presença dos seguintes sinais e sintomas: olhos amarelados, crises dolorosas no corpo, infecção, febre, úlceras de pernas, AVC, entre outras. Se não tratada precocemente e de forma adequada, a doença pode comprometer vários órgãos do corpo, como coração, rins e pulmões.

Possuir o traço falciforme significa que a pessoa herdou, de um dos pais, apenas uma característica genética da doença, mas que não a desenvolverá. Contudo, tem o direito de receber informações sobre essa herança genética para poder fazer o planejamento familiar com liberdade e autonomia.

Secom JP  Mais PB

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios