Destaques

Secretária de Educação apresenta diploma e ficará em cela especial

A secretária de Educação de Campina Grande, Iolanda Barbosa, apresentou diploma de cursos superior durante audiência de custódia, que aconteceu na tarde desta quinta-feira (25), e deve ficar em cela especial.

O juiz Vinicius Costa determinou que a secretária vá para prisão especial ou que ela fosse para um quartel militar. A decisão ficará sob responsabilidade da Vara de Execuções Penais de Campina Grande.

A secretária se entregou à Polícia Federal na manhã desta quinta (25), após retornar da viagem que fazia a São Paulo. As investigações apontam que Iolanda seria membro de um esquema de fraude em licitações e contratações em Campina Grande.

A Operação Famintos visa desarticular um esquema criminoso de fraudes em licitações e contratações na cidade de Campina Grande entre 2013 a 2019, com pagamentos vinculados a verbas do PNAE – Programa Nacional de Alimentação Escolar.

Além da merenda escolar, as contratações incluíam o fornecimento de material de higiene e de limpeza para outras áreas de governo (Saúde, Assistência Social, etc.).

Com o aprofundamento dos trabalhos pelos órgãos parceiros, constatou-se que desde 2013 ocorreram contratos sucessivos, que atingiram um montante pago de R$ 25 milhões.

MaisPB

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios