Destaques

Populares queimam pneus, lataria de carro e fecham vias de acesso a Belém em protesto contra desativação de serviços de hospital

protesto-BelémDesde as primeiras horas da manhã desta quinta-feira (15) populares da cidade de Belém, no brejo da Paraíba, realizam protesto na principal rodovia que dá acesso ao município e reivindicam do Governo do Estado  que mantenha aberto todos os serviços oferecidos pelo Hospital Distrital daquele município, já que a secretaria de saúde pretende transforma-lo em uma unidade de pronto socorro.

O Secretário Executivo de Comunicação da Paraíba, Célio Alves, pediu aos manifestantes que desobstruíssem a rodovia e se comprometeu a comparecer amanhã na emissora local juntamente com a secretária executiva da saúde do estado, Maura Sobreira e os deputados Gervásio Maia e Hervázio Bezerra para proporcionar um debate com a sociedade.

Cobrado no ar para se comprometer em garantir que o hospital manterá os atendimentos no referido hospital, Célio Alves disse que a população precisa saber o que realmente acontece no hospital de Belém e acusou médicos e personalidades belenenses de receberem daquela instituição de saúde sem trabalhar.

O Secretário Célio pediu bom senso dos manifestantes para desobstruir a referida rodovia e disse que o governo é o governo do diálogo, mas tem posições firmes e projetos consistentes para melhorar a vida das pessoas.

A Polícia Militar estima que cerca de mil e quinhentos manifestantes se encontram na rodovia e segundo informações chegadas ao ExpressoPB.com dão conta de que os manifestantes estão irredutíveis e não se dispõe a desobstruirem a rodovia sem a garantia do Governo do Estado de que os serviços de cirurgias e partos continuarão a ser realizados no Hospital Distrital de Belém.

protesto-Belém

Mais informações a qualquer momento.

Da Redação
Do ExpressoPB

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios