Destaques

Polícia prende 21 suspeitos de praticar crimes na PB e apreende drogas e armas

156191,362,80,0,0,362,271,0,0,0,0A Polícia Militar prendeu 21 pessoas suspeitas de praticar crimes na Paraíba neste sábado (12). Em ações realizadas por todo estado também foi apreendido drogas e armas. Dois homens presos são suspeitos do cometer homicídios.

Em Bayeux, na Grande João Pessoa, Welhen Ramom Lopes Soares, de 19 anos, foi preso no bairro do Mário Andreazza. A viatura da 4ª Companhia Independente da Polícia Militar (4ª CIPM) realizava rondas quando se deparou com o suspeito na praça do bairro. Ele correu e entrou em uma casa, onde foi encontrada toda droga. O acusado ainda fugiu pulando o muro das residências vizinhas, mas foi encontrado embaixo da cama de uma das casas que fica na mesma rua onde ele morava.

Foram apreendidos 540 papelotes maconha, 450 pedras de crack, 70 comprimidos de artane, 1 kg de cocaína e 20 ‘pinos’ da mesma droga, além de dinheiro trocado. O suspeito foi apresentado na 6ª Delegacia Distrital, na cidade de Santa Rita.

Em ações realizadas nas cidades Uiraúna, Lucena, Tavares, Gurinhém, Lagoa, Fagundes, Queimadas, Santa Terezinha, João Pessoa e Campina Grande, a polícia apreendeu 13 armas de fogo. Dezoito pessoas foram detidas.

Também em João Pessoa foi preso o ex-presidiário Everton do Nascimento Gomes, de 22 anos, suspeito de matar a tiros e facadas Renato de Oliveira Silva, no mesmo dia, na comunidade Asa Branca, no bairro do Roger. O acusado deixou uma faca encravada no pescoço da vítima.

Ele foi encontrado por uma viatura do Policiamento Preventivo do 1º Batalhão, em um dos becos da comunidade, após levantamentos realizados pelo Núcleo de Inteligência (NI) da unidade. De acordo com o Núcleo de Inteligência (NI) do 1º Batalhão da Polícia Militar, o preso na ação desse sábado seria suspeito também de outros homicídios nos bairros do Roger, Mandacaru, Padre Zé e Treze de Maio.

Everton do Nascimento Gomes foi levado para a Delegacia de Homicídio, na nova Central da Polícia Civil, no bairro do Geisel, na Capital. A polícia está à procura do segundo suspeito de participar do crime.

A outra prisão aconteceu em Bananeiras. Policiais da 2ª Companhia do 4º Batalhão prenderam, na noite desse sábado (12), um homem que estava com um mandado de prisão em aberto por um homicídio cometido com ‘requintes de crueldade’, no ano de 2007, na cidade de Bananeiras. Damião Ermínio da Silva estava em um bar, em Solânea, e foi reconhecido por um policial militar que já trabalhava na região no ano do crime.

 

Com Portal Correio

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios