policial

P2 e GTE apreendem acusado de assalto ao Posto Caipira de Pirpirituba

Os homens da P2 (Serviço de Inteligência) do 4º BPM e do GTE (Grupo Tático Especial) da Polícia Civil, conseguiram apreender um dos dois menores acusados de terem assaltado o Posto Caipira, que fica às margens da rodovia que liga as cidades de Pirpirituba e Belém-PB, na noite do último sábado (29).

R.P.S. 16 anos, residente no Bairro Bela Vista, em Guarabira, foi apreendido quando se dirigia ao local onde havia escondido a moto Honda POP 100, roubada de um cliente do posto, na hora do assalto.

Em conversa com a nossa equipe, o menor confessou ter participado do assalto. Ele disse ainda que nunca havia praticado nenhum tipo de crime, mas resolveu chamar o comparsa também menor para fazer a “parada” (o assalto). O garoto disse que não estava precisando de dinheiro, pois seus pais sempre lhe dão tudo o que ele quer, e que não sabia dizer porque resolveu praticar o assalto. Perguntado sobre alguns arranhões visíveis pelo seu corpo, R.P.S. disse que foi uma queda que sofreu na POP 100 roubada, quando ele dava “um rolé”.

Em entrevista ao Portalmidia, o agente Luis Pereira (GTE), disse que o outro acusado já foi identificado e que em breve estará sendo apreendido. Ele também disse que a arma do crime ainda não foi encontrada.

Visivelmente transtornados ao descobrir que o menino estava envolvido no crime, os familiares do mesmo que – diga-se de passagem é de pessoas honestas e trabalhadoras – foram até a 3ª Delegacia Regional da Polícia Civil, o assistirem.

 por Juka Martins
Portal Mídia

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios