Educação

Ônibus tomba e cai dentro de rio na BR-116 entre Muriaé e Miradouro, MG

onibus-tomba-e-cai-dentro-de-rio-na-br-116-entre-muriae-e-miradouro-mg.jpg.280x200_q85_cropUm ônibus com 51 passageiros pessoas tombou na manhã deste domingo (26) na BR-116 no trecho entre as cidades de Muriaé e Miradouro, na Zona da Mata. De acordo com as primeiras informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF) de Muriaé, o veículo saiu da pista e caiu em um rio. O Corpo de Bombeiros de Muriáe e de Ubá continuam as buscas no local. Segundo informações preliminares da PRF, havia sido encontrado o corpo de uma pessoa e um bebê estaria desaparecido. Mas, de acordo com os bombeiros de Muriáe, foi confirmado que um bebê, de cerca de três meses, do sexo feminino, foi localizado já sem vida, e uma mulher está desaparecida.

Segundo a PRF, o acidente com o ônibus que seguia de Ipiaú (BA) para São Paulo, ocorreu por volta das 6h30 na ponte do Rio Glória, próxima ao km 684 da rodovia. O motorista afirmou que uma das rodas do veículo travou e ele perdeu o controle. O ônibus atravessou a pista e caiu dentro do rio.

De acordo com a PRF, foi apurado até agora, que o veículo estava com 51 passageiros, entre adultos e crianças, mais o motorista. Equipes do Corpo de Bombeiros de Muriaé e também de Ubá resgataram os passageiros que estavam no ônibus. O corpo do bebê foi encontrado no fim da manhã. Os bombeiros continuam as buscas por uma mulher que está desaparecida.

Ficaram feridos 49 passageiros que foram levados para o Hospital São Paulo em Muriaé, a maioria com lesões leves e fraturas, de acordo com a polícia. De acordo com informações do hospital, a maioria das vítimas foram medicadas e liberadas. Duas permanecem internadas em estado grave, sendo uma criança e uma mulher. A idade das vítimas não foi confirmada. Outros seis pacientes estão internados em observação no pronto socorro da unidade.

G1 entrou em contato com a empresa de ônibus Novo Horizonte. O porteiro da garagem da empresa, José Oliveira, informou que a direção só estaria no local na segunda-feira (28), mas afirmou que as vítimas estão recebendo apoio da firma.

G1

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios