Destaques

Morre em JP o ex-prefeito de Patos Dinaldo Wanderley, vítima do coronavírus

Além da atuação na política, Dinaldo Wanderley era advogado, economista, empresário e ex-futebolista

Faleceu na madrugada deste domingo (24), em João Pessoa, o ex-prefeito de Patos, no Sertão da Paraíba, e ex-deputado estadual Dinaldo Medeiros Wanderley, aos 69 anos, vítima do coronavírus.

Segundo informações da Assembleia Legislativa da Paraíba, Dinaldo estava internado em um hospital de João Pessoa desde o último dia 14 de maio, apresentou uma leve melhora nos últimos dias, mas voltou a ser intubado neste fim de semana e acabou falecendo.

A Prefeitura Municipal de Patos emitiu uma nota de pesar e decretou luto oficial de três dias no município.

“Em nome da população patoense, abraçamos fraternalmente a todos os familiares e elevamos nossas homenagens ao homem que dedicou parte de sua vida à sua terra. Diante do ocorrido, só nos resta pedir a Deus que conforte o coração de seus familiares, amigos e admiradores pela dor da perda, dando-lhes forças para superarem este momento difícil e para conviverem com tamanha saudade”, diz nota da Prefeitura de Patos.

Além da atuação na política, Dinaldo era advogado, economista, empresário e ex-futebolista. Filho do tabelião Dinamérico Wanderley de Sousa e da professora Haydée Medeiros Wanderley, foi prefeito de Patos por dois mandatos consecutivos, de 1997 a 2004, e deputado estadual. Ele deixa a esposa, Edina Guedes Wanderley, os filhos Ana, Bruno, Gustavo e Dinaldo Filho, e netos.

Por meio das redes sociais, Dinaldo Filho, também ex-prefeito de Patos, agradeceu o apoio neste momento e informou que o corpo de Dinaldo Wanderley será cremado em João Pessoa, em cerimônia restrita, devido ao diagnóstico de Covid-19.

“Guardaremos suas cinzas para em um momento oportuno fazermos o que era o desejo dele, ser enterrado em Patos, no cemitério São Miguel, junto com seu pai Dinamérico, sua mãe Haydée e seu irmão Verlane e para que todos seus grandes amigos possam se despedir desse grande homem”, publicou Dinaldinho.

Além da Prefeitura de Patos, outras entidades e autoridades políticas emitiram notas de pesar. Confira abaixo:

Governador da Paraíba, João Azevêdo

O governador João Azevêdo lamenta a morte do ex-prefeito de Patos, Dinaldo Wanderley, ocorrida na manhã deste domingo, e externa condolências aos familiares e amigos neste momento de dor e saudade.

Assembleia Legislativa da Paraíba

O presidente da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), Adriano Galdino, em nome de todos os parlamentares e servidores do Poder Legislativo Paraibano, lamentou o falecimento.

“Neste momento de dor para toda a família nos solidarizamos com os familiares e amigos de Dinaldo Wanderley, um grande político do nosso Estado, que deixa grandes lições e um legado de trabalho e luta pelo povo da Paraíba”, ressaltou Galdino.

Famup

A Federação das Associações de Municípios da Paraíba (Famup) lamentou a morte do ex-prefeito. Para o presidente da entidade, George Coelho, o ex-gestor foi importante para o Estado no trabalho realizado pelo desenvolvimento de Patos e do municipalismo.  

“Nós que compomos a Famup lamentamos a morte precoce do ex-prefeito Dinaldo Wanderley que foi peça importante no desenvolvimento do nosso Estado, atuando sempre pelo crescimento de Patos e do Sertão. Deixamos o mais profundo pesar aos familiares e amigos desse grande homem público”, disse George Coelho.

PSDB

O Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB) emitiu nota lamentando o falecimento de Dinaldo Wanderley. Filiado à legenda, Dinaldo era membro da Comissão Executiva Estadual do PSDB.

“Dinaldo deixa um legado dentro da política paraibana. Foi deputado e prefeito de Patos por dois mandatos. Por onde passou fez amigos e conquistou a todos pelo seu jeito simples e pelo carisma. Atuou fortemente para a construção partidária e fortalecimento do PSDB no Estado. Era filiado à legenda há 20 anos”, diz a nota.

Prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo

“Lamentamos o falecimento de Dinaldo Wanderley e prestamos nossa solidariedade à família, amigos, e ao povo de Patos, que perde um de seus principais homens públicos. Deixamos nossas condolências e desejamos que Deus dê força e serenidade para que todos possam superar a dor da perda”, afirmou.

Prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues

Para Romero Rodrigues, que se pronunciou através das redes sociais, a Paraíba perde um grande homem público e Patos, no Sertão, em especial, um filho que tinha na sua cidade uma das grandes paixões da vida.

O prefeito campinense disse que guarda com carinho a convivência que teve com Dinaldo Wanderley na Assembleia Legislativa e, como deputado federal, recebeu por diversas vezes o amigo em Brasília, sempre empenhado na liberação de recursos para seu Estado e cidade natal.

Romero transmitiu o profundo pesar à toda família de Dinaldo Wanderley – um homem público “generoso, correto, ético e amigo”, desejando que a fé em Deus possa confortá-la.

Deputado federal Pedro Cunha Lima

“A política paraibana está de luto pelo falecimento de Dinaldo, exemplo de homem público, político apaixonado pela sua terra Patos, que conquistou a todos pela sua simplicidade e o seu grande coração”, disse.
 
Pedro Cunha Lima (PSDB) ainda externou pesar à família de Dinaldo. “À sua esposa Edna e aos filhos Dinaldinho, Gustavo, Bruno e Ana os meus sentimentos por essa grande perda”, enfatizou.

Deputado federal Gervásio Maia

“Foi com profundo pesar que recebi a notícia da morte do ex-prefeito de Patos e ex-deputado estadual, Dinaldo Wanderley, vítima da Covid-19. Importante liderança política, Dinaldo Wanderley deixa um grande legado de luta e defesa do Sertão paraibano. A Morada do Sol perde um de seus ilustres filhos. Neste momento de luto e dor, nossa solidariedade à família e aos amigos”, disse Gervásio Maia (PSB).

Deputada estadual Camila Toscano

Para a deputada Camila Toscano (PSDB), a partida de Dinaldo deixa um lacuna na política paraibana, principalmente no município de Patos.
 
“Nesse momento quero abraçar todos os familiares do ex-prefeito Dinaldo, principalmente o meu amigo Dinaldinho, com quem trabalhei na Assembleia Legislativa, lutando sempre por uma Paraíba melhor. Dinaldo deixará muita saudade e fará muita falta para a política paraibana”, destacou Camila.

Deputado estadual Eduardo Carneiro

“É com sentimento de tristeza que recebo a notícia do falecimento do ex-prefeito e deputado estadual, Dinaldo, que partiu, mas deixa muita saudade na vida de quem teve a oportunidade de conhecê-lo e conviver com ele”, destacou Eduardo Carneiro (PRTB).
 
O parlamentar ainda se solidarizou com familiares e amigos de Dinaldo. “Externo meus sentimentos a todos os familiares, em especial ao filho Gustavo, que tenho como amigo. Sei que a dor desse momento é indescritível, mas abraço a cada um de vocês com preces para que Deus possa consolar e promover a paz nos seus corações”, disse.

Secretário de Planejamento de Campina Grande, Tovar Correia Lima

“A Paraíba perde mais um político que se dedicou ao povo e principalmente aos patoenses, terra amada por Dinaldo. Deixo o meu mais profundo pesar pela partida precoce de Dinaldo Wanderley e o meu abraço de conforto aos seus familiares em nome do meu amigo Dinaldinho, com quem dividi os trabalhos na Assembleia Legislativa”, disse Tovar Correia Lima (PSDB).

Matéria atualizada às 14h40 para inclusão de novas informações

 

Portal Correio

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios