Educação

Médicos estrangeiros chegam a Brasília para cursos e avaliações na UnB

O ministro da Saúde, Alexandre Padilha, recebe médicos estrangeiros que vão atuar no Programa Mais Médicos. Na foto, o ministro Padilha, a médica espanhola Sonia Nunes, e o médico Thiago das Neves Carvalho (brasileiro que trabalhava em Portugal)
O ministro da Saúde, Alexandre Padilha, recebe médicos estrangeiros que vão atuar no Programa Mais Médicos. Na foto, o ministro Padilha, a médica espanhola Sonia Nunes, e o médico Thiago das Neves Carvalho (brasileiro que trabalhava em Portugal)

Quatro médicos estrangeiros e brasileiros formados no exterior chegaram por volta das 16h30 desta sexta-feira (23) em Brasília. Eles vão atuar no Programa Mais Médicos e ficarão hospedados em alojamento militar para a realização de um curso na Universidade de Brasília. O ministro da Saúde, Alexandre Padilha, os recepcionou no Aeroporto Internacional Presidente Juscelino Kubitschek.

A médica espanhola Sônia Gonzalez, de 38 anos, se formou em Portugal, tem especialização em saúde da família e vai atuar no Distrito Indígena Alto Rio Negro. “Vim pela experiência”, afirmou Gonzalez. O brasileiro Thiago Carvalho também desembarcou junto com os estrangeiros. Thiago se formou na Espanha, mas também atuava em Portugal. Ao terminar o curso ele irá atuar no Acre. “Vim para atender qualquer pessoa, seja rico ou carente”, disse.

O curso, que começa em 26 de agosto, terá três semanas de duração e irá incluir aulas e avaliações sobre o programa de saúde pública brasileira, além de língua portuguesa, totalizando uma carga horária de 120 horas. Só após a conclusão eles serão encaminhados aos municípios de destino – todos fora do DF. O início dos atendimentos médicos devem começar em 16 de setembro.

Com informações de Júlia Chaib. 
Correio Braziliense

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios