Destaques

Manifestantes mostram seios e são vaiadas por peregrinos da Jornada na zona sul do Rio

Grupo feminista aproveitou a chegada do papa Francisco, nesta segunda-feira (22), para fazer uma manifestação pela liberdade sexual das mulheres.
Grupo feminista aproveitou a chegada do papa Francisco, nesta segunda-feira (22), para fazer uma manifestação pela liberdade sexual das mulheres.

Um grupo de manifestantes feministas aproveitou a chegada do papa Francisco ao Rio de Janeiro para promover um ato em favor da liberdade sexual das mulheres na tarde desta segunda-feira (22), no Largo do Machado, na zona sul da capital fluminense.

Um grupo de peregrinos que se reúne no mesmo local à espera das vans que levam ao Cristo Redentor vaiou o protesto no momento que as manifestantes exibiram os seios. Houve uma pequena troca de provocações entre as pessoas que participavam do ato e peregrinos, mas sem princípio de confusão.

“Estamos aqui para exigir um Estado laico. Não abrimos mão disso”, afirmou a atriz Taísa Machado, uma das mulheres que protestavam.

Com camisas e bandeiras da Jornada Mundial da Juventude, os jovens começaram a cantar músicas religiosas, e gritam “exigimos respeito” quando os manifestantes devolveram as vaias.

Também na praça do Largo do Machado, estudantes universitários, militantes de partidos políticos se concentram para um novo ato que deve seguir em direção ao Palácio Guanabara, onde o papa Francisco será recebido.

Às 17h, os manifestantes prometem realizar um “beijaço gay” em frente à residência oficial do governo do Estado.

UOL

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios