Municípios

Jovem vive momentos de terror e por pouco não é assassinado durante assalto em Solânea

Acusado preso pela policia. Foto: WhatsApp
Acusado preso pela policia. Foto: WhatsApp

O desespero de ser abordado por dois bandidos armados levou o jovem Jeckson Adelino da Rocha, de 25 anos, reagir a um assalto na noite dessa quinta-feira (14), em Solânea. Mas, a reação por pouco não fez com que o ajudante geral fosse assassinado. O fato aconteceu na Rua José Eleotéreo, por volta das 8h40. Jeckson estava acompanhado do amigo Rosenildo Gomes de Silva, de 32 anos, que também escapou por pouco da ação violenta dos bandidos.

Jeckson e alguns populares pediram socorro à Polícia Militar, que ao chegar ao local do crime encontraram a vítima ferida em uma das mãos por disparo de arma de fogo decorrente da luta corporal com o primeiro acusado que havia roubado o seu aparelho celular e de um colega. Um dos acusados efetuou três disparos e fugiu com seu comparsa.

Contudo, os acusados conseguiram ser localizados pelos policiais. A guarnição da Rotam, na viatura 5607, comandada pelo Aspirante a Oficial Willys, partiu em diligências e prendeu Luiz Carlos da Cunha Medeiros, de 32 anos, e Marcelo Henrique Santos, de 30 anos.

Com eles foram encontrados um revolver Taurus oxidado de numeração 245651 e calibre 38 com 3 munições intactas e 3 deflagradas; uma moto Honda pop 100 vermelha, de placa NPX 6331 PB; uma trouxa de maconha; um celular Samsung GT – S3350, além da quantidade de dinheiro em espécie de R$ 943.

Os acusados e os objetos apreendidos ficaram a disposição da autoridade policial de Solânea para serem adotadas as providências que o caso requer. A vítima do disparo foi socorrida para o hospital local.

Focando a Notícia

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios