Destaquespolicial

Idoso morre em hospital da Grande JP após ficar mais de duas horas sem suprimento de oxigênio

16989036280003622710000O Portal Correio teve acesso a documentos que relatam a morte de um idoso de 78 anos no Hospital Municipal Alfredo de Almeida Ferreira, em Alhandra, na Grande João Pessoa, supostamente devido à negligência administrativa. O caso aconteceu na madrugada deste sábado (22) e o paciente teria passado mais de duas horas sem suprimento de oxigênio.

Relatório da médica plantonista aponta que o tratamento não foi feito de forma adequada, pois nenhum funcionário do hospital possuía a chave necessária para troca do equipamento de oxigênio. Segundo uma fonte da reportagem, que não quis ser identificada, a chave estaria sumida desde a sexta-feira passada (14).

“No relatório a médica fala da evolução do quadro clínico do paciente e destaca que ele estava sem CO2 [oxigênio] porque no hospital não havia a chave para fazer a troca do torpedo de oxigênio. Então ela já se respaldou. Ela está certa, porque o paciente não morreu por falta de atendimento médico, não foi uma negligência médica. Foi uma falha da estrutura do hospital, de quem é responsável pela manutenção”, conta.

“Como é que o hospital só tem uma chave para fazer a troca do torpedo de oxigênio? Eram para existir no mínimo duas. Uma ficaria circulando no hospital para quando fosse necessário usar e outra guardada em local de conhecimento geral, para urgências, como em caso de perda da primeira”, critica a fonte.

Segundo ela, o paciente ficou sem suprimento de oxigênio por volta da meia-noite e a coordenação do hospital estaria ciente do problema. O óbito dele foi declarado às 2h30. Morador da cidade de Caaporã, o idoso era cardiopata e deu entrada no hospital pela manhã, queixando-se de intensa sensação de cansaço.

Por meio da assessoria de comunicação, o secretário municipal da Saúde, José Romildo Ferreira, informou ter tomado conhecimento de uma morte no hospital, mas que desconhecia as circunstâncias. Ele garantiu que vai convocar a equipe da unidade para uma reunião na segunda-feira (24) e investigará a suposta negligência administrativa.

 

Com Portal Correio

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios