policial

Gerente e proprietário de mineradora da Paraíba são presos acusados de receptação

Polícia Civil
Polícia Civil

O gerente e o proprietário de uma mineradora na Paraíba foram presos pela Polícia Civil neste final de semana, acusados de receptação de geradores de energia avaliados em R$ 300 mil. O material foi apreendido no Sertão paraibano, e no Ceará.

As prisões foram resultado de uma investigação que começou no mês passado, quando o dono da empresa de geradores com sede no Rio de Janeiro procurou o delegado Diego Garcia informando que tinha sido lesado por uma empresa fantasma que locou três geradores e 14 contêineres e vendeu os equipamentos para uma mineradora localizada na Paraíba. A partir daí Diego Garcia montou a Operação Electra, solicitando à Justiça os mandados de busca, apreensão e de prisão dos envolvidos.

O primeiro contêiner foi apreendido na estrada de Santa Luzia, no Sertão da Paraíba. Depois os policiais civis seguiram para Campina Grande, onde prenderam o gerente da mineradora. Já o dono da mineradora foi preso na cidade de Fortaleza, no Ceará.

“Conseguimos chegar até a empresa mineradora e aos responsáveis por ela graças ao rastreador instalado em um dos geradores. Localizamos o equipamento no caminho da cidade de Santa Luzia, abordamos o motorista e, como já tínhamos os mandados de apreensão, recuperamos a carga”, explicou o delegado Diego Garcia, responsável pela investigação.

Todos os geradores e contêineres foram recuperados pelos policiais civis da 3ª Delegacia Distrital de João Pessoa e os dois acusados foram indiciados por estelionato e receptação e encaminhados para a Central de Polícia da Capital. A prisão deles é temporária, com prazo de cinco dias.

Diego Garcia adiantou que a investigação sobre a receptação foi concluída, mas o trabalho continua para descobrir se o dono e o gerente da mineradora paraibana têm ligação com a empresa de locação fantasma responsável pelo roubo dos equipamentos no Rio de Janeiro.

 

Portal Correio

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios