Destaquespolicial

Gerente é detido após fiscais acharem remédios vencidos em farmácia de João Pessoa

Farmácia foi interditada
Farmácia foi interditada

O gerente da unidade da Farmácia Permanente na avenida Epitácio Pessoa, na Capital, foi detido nesta terça-feira (3) após uma fiscalização do Programa de Prevenção a Acidentes de Consumo ter encontrado produtos fora do prazo de validade sendo vendidos normalmente no local. A farmácia foi interditada.

A operação é realizada pelo MP-Procon, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros, Procon-JP, Agência Estadual de Vigilância Sanitária da Paraíba (Agevisa) e demais órgãos, e visa verificar as condições de venda de produtos em estabelecimentos comerciais e procedimentos médicos realizados em hospitalares da Capital.

A operação também verificou se os estabelecimentos estão cumprindo a recomendação expedida pelo MP-Procon, no dia 19 de fevereiro, alertando para a suspensão da comercialização de 19 medicamentos.

De acordo com o diretor-geral do MP-Procon, promotor Glauberto Bezerra, vários medicamentos e alimentos comercializados nas farmácias estavam vencidos.

“Encontramos medicamentos vencidos, barras de cereais, papinha para crianças menores de um ano com a data de validade ultrapassada, produtos que deveriam ser descartados que ainda estavam no estoque e acondicionamento de medicamentos acima da temperatura padrão. Interditamos a farmácia e o gerente foi detido”, afirmou.

Todos os estabelecimentos vistoriados foram autuados por irregularidades, como ausência de extintor e sinalização de emergência, venda de produto sem registro, falta de farmacêutico no local ou descumprimento da Lei do Troco. Também foram apreendidos suplementos alimentares que estão com comercialização suspensa pela Ansiva por conterem substância proibida.

Glauberto informou que as fiscalizações visam proteger os consumidores contra irregularidades cometidas pelos estabelecimentos. “O consumidor pensa que comprar na farmácia é mais seguro, mas acaba se deparando com estas irregularidades. Vamos sempre estar do lado do consumidor e combatendo a venda de produtos que possam causar dano a saúde”, disse.

Além da farmácia, uma distribuidora de medicamentos teve um lote de álcool apreendido por falta de registro. A operação está em andamento e deve prosseguir durante a noite.

As farmácias e distribuidoras fiscalizadas são:

*Big ben (Avenida Epitácio Pessoa);

*Pague Menos (Avenida Epitácio Pessoa);

*Redepharma (Avenida General Edson Ramalho, Manaíra);

*Saúde Médica Ltda. (Rua Professora Severina Moura, Torre);

*Dismed Ltda. (Avenida Corinta Rosas, Torre);

*Atacamed (Avenida Joaquim Torres, Torre);

*Permanente (Avenida Epitácio Pessoa);

*Redepharma (Avenida Epitácio Pessoa).

 

Portal Correio

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios