Brasil

Falha deixa partes do Sul, Sudeste e Centro-Oeste sem energia elétrica

201402040611050000008032Uma falha no sistema elétrico interrompeu parte da transmissão de energia em cidades das regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste do país nesta terça-feira (4). De acordo com informações do ONS (Operador Nacional do Sistema), a falha ocorreu devido a uma “perturbação” no sistema elétrico nacional.

Ao menos 1 milhão de unidades consumidoras ficaram sem luz. Ainda não se sabe o que provocou a falha, mas o problema pode estar relacionado ao consumo elevado de energia e ao baixo nível dos reservatórios. Na última semana, o ONS informou que janeiro de 2014 havia sido o 3º pior da história em nível de chuvas.

O processo de recompor o fornecimento de energia já foi iniciado. De acordo com o ONS, a falha ocorreu por volta das 14h na ligação entre Colinas (TO) e Serra da Mesa (GO), mas a falha não causou interrupção de energia na região Norte do país –o Nordeste também não foi afetado.

O Ministério de Minas e Energia convocou coletiva de imprensa para as 17h desta terça para falar sobre condições de abastecimento. A queda no fornecimento ocorre um dia após o ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, afirmar que o governo não enxergava “nenhum risco de desabastecimento de energia”.

São Paulo

A companhia Eletropaulo informou que detectou a falha às 14h03 e que o fornecimento de energia foi interrompido nos municípios Cotia, Vargem Grande Paulista, Embu e Diadema, bem como nos bairros Capão Redondo, Pedreira, Cidade Ademar, Mooca, São Mateus, Vila Prudente, Itaquera, Vila Mariana, Guaianases e Vila Matilde da capital paulista.

A Eletropaulo informou que o problema foi solucionado antes das 15h.

De acordo com a CET (Companhia de Engenharia de Tráfego), a cidade de São Paulo tinha, por volta das 16h40, 47 semáforos com problemas –a empresa não soube dizer se todas as ocorrências são causadas pela falha no sistema nacional. Ainda segundo a companhia, funcionários já atuam nos principais cruzamentos.

Os paulistanos também enfrentaram falhas no metrô. A linha 4-Amarela apresentou uma falha no sistema elétrico por volta das 14h nesta terça-feira (4), entre as estações Paulista e Luz, o que levou ao fechamento das paradas Luz e República. A operação foi restabelecida por volta das 15h20 e, segundo a Via Quatro, ainda não confirmação de que o problema tenha a ver com a falha no sistema nacional de energia.

Rio de Janeiro

A Light, companhia responsável pelo fornecimento de energia no Rio, informou que cerca de 600 mil clientes estão sem luz desde as 14h desta terça-feira nas zonas norte e oeste da capital e na Baixada Fluminense.

Segundo a companhia, estão sem energia as seguinte localidades: Bangu, Campo Grande, Guaratiba e Jacarepaguá, na zona oeste; Grande Méier, Pavuna, Inhaúma, Irajá, Penha, Cascadura e Madureira, na zona norte; Mesquita, Belford Roxo, Queimados e Nova Iguaçu, na Baixada.

Minas Gerais

A Cemig (Companhia Energética de Minas Gerais) informou que a falha provocou interrupção de energia pelo período máximo de 56 minutos, afetando cerca de 230 mil das 7,5 milhões de unidades consumidoras atendidas. Segundo a empresa, o desligamento ocorreu por volta das 14h e, às 14h58, a energia já havia sido restabelecida para todos os clientes afetados.

De acordo com a Cemig, a falha atingiu a capital Belo Horizonte e mais outras 60 cidades.

Paraná

A Copel (Companhia Paranaense de Energia) informou que a falha provocou a interrupção do fornecimento de energia em ao menos 548 mil unidades consumidoras, mas que a luz já foi restabelecida para todos os consumidores.

Mato Grosso

A Cemat informou que um levantamento preliminar aponta que houve interrupção do fornecimento de energia na capital Cuiabá e nos municípios de Alta Floresta e Nova Monte Verde. De acordo com a companhia, a luz já foi restabelecida na maioria das localidades.

Mato Grosso do Sul

A Enersul, que serve 74 dos 79 municípios do Mato Grosso do Sul, informou que o problema afetou 14% da sua área de concessão. A falha teve início por volta das 13h e foi completamente sanada às 14h57. Sete municípios foram prejudicados: Campo Grande, Miranda, Bonito, Bodoquena, Dois Irmãos do Buriti, Aquidauana e Anastácio.

De acordo com a companhia, na capital Campo Grande a interrupção do fornecimento de energia atingiu 4% do município.

UOL

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios