policial

Ex-presidiário é assassinado pelo irmão após ameaçar a mãe de morte

William morreu com vários tiros
William morreu com vários tiros

O ex-presidiário William da Silva Leandro, 27 anos, foi assassinado dentro de um bar na cidade de São Bento, no Sertão paraibano. De acordo com o escrivão da Polícia Civil, Flávio Ricardo, o suspeito do assassinato é o irmão da vítima, que praticou o crime após William ameaçar a mãe de morte.

O escrivão disse que William tinha um histórico de agressão contra a mãe e os irmãos já teria conversado com ele para evitar uma possível tragédia. “A vítima agredia a mãe tanto física como verbalmente. Nessa quarta, o jovem ameaçou de morte a mãe com um pedaço de madeira. O irmão não suportou as agressões e saiu armado a procura de William”.

A vítima foi morta em um bar localizado no bairro São Bernardo. “Quando William da Silva bebia o irmão chegou no estabelecimento e efetuou vários disparos e depois fugiu. Mas, estamos no encalço dele”, comentou o escrivão da Polícia Civil.

O corpo do jovem foi encaminhado para o Núcleo de Medicina e Odontologia Legal (Numol) da cidade de Patos. William da Silva cumpriu pena na Lei Maria Penha.

 

Por Hyldo Pereira

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios