policial

Em Tacima: Taxista sofre tentativa de homicídio durante assalto e escapa após se fingir de morto

DSC04614Um taxista foi vítima de uma tentativa de homicídio na noite desta terça-feira (7), na zona rural da cidade de Riachão, no Agreste paraibano. Segundo informações do 4º BPM, Josuel Pedro da Silva, 58 anos, foi ferido com vários golpes de facão e foi encontrado em estado grave em um matagal. “Os bandidos não me mataram porque me fiz de morto”, relatou a vítima aos policiais militares.

De acordo com o soldado Paulo Cesar, da 3ª Cia do 4º BPM, três homens solicitaram o táxis na cidade de Guarabira, no Brejo paraibano, com destino ao município de Tacima, no Curimataú. “No meio do percurso, os assaltantes disseram que estavam sem dinheiro e anunciaram o assalto. Como o trio exigia dinheiro e ele disse que tinha, os bandidos começaram a perfurá-lo com um facão e uma faca peixeira”.

A vítima informou que foi espancada pelos assaltantes e conseguiu fugir da ação criminosa após um descuido dos bandidos. “O taxista contou que pedia para não morrer. Bastante ensanguentado, ele se fingiu de morto e como foi abandonado em um matagal, o taxista aproveitou um momento de distração do trio e saiu correndo no mato escuro”, comentou o soldado.

O soldado relatou que a Polícia Militar foi acionada, após moradores ligaram para o 190 informando que ouviram disparos no sítio Carnaúbas. “A gente mobilizou várias viaturas e quando chegamos no sítio, encontramos o táxis abandonado com marcas de sangue na parte interna e externa no automóvel. Seguimos o rastro de sangue e conseguimos localizar a vítima com várias perfurações”.

Uma unidade do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionada, prestou os primeiros socorros no local e removeu o taxista para o Hospital Regional de Guarabira, no Brejo. O Portal Correio entrou em contato com a unidade hospitalar por diversas vezes, mas ninguém atendeu para informar sobre o estado de saúde de Josuel Pedro da Silva.

Créditos: Júnior Campos

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios