Destaques

Em Nota de Pesar, Sindicato dos Jornalistas cobra elucidação da morte de Ivanido Viana

em-nota-de-pesar-sindicato-dos-jornalista-cobra-elucidacao-da-morte-de-ivanido-viana.jpg.280x200_q85_cropO Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Estado da Paraíba divulgou nota de pesar pela morte do radialista Ivanildo Viana, da Líder 100.5, assassinado a tiros às margens da BR 101, na última sexta-feira.

Na nota, o sindicato diz que continua aguardando esclarecimentos quanto a possíveis motivações do crime.

Confira a nota:

O Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Estado da Paraíba vem a público manifestar seu pesar pela morte do radialista Ivanildo Viana da Silva, de 51 anos, ocorrida no último dia 27 de fevereiro, ao tempo em que presta solidariedade à família, amigos e colegas de trabalho.

Ivanildo foi assassinado com quatro tiros nas costas enquanto dirigia sua motocicleta nas imediações do km 80 da BR-230, sentido Santa Rita/João Pessoa. Segundo testemunhas, dois homens numa moto foram os responsáveis pela execução.

Após três dias, as investigações policiais ainda não levaram a nenhum suspeito ou às motivações do crime. Familiares da vítima também reclamam da falta de contato por parte das autoridades. Não existem relatos de que ele estivesse recebendo qualquer tipo de ameaça.

O radialista trabalhava na FM Líder 100.5, em Santa Rita, e teve passagens pela FM Correio e O Norte.

O Sindicato dos Jornalistas acompanha o caso, aguardando esclarecimentos quanto a possíveis motivações do crime fruto da atuação profissional do colega de imprensa.

Com Click PB

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios