Destaques

Com decreto de Bolsonaro, pelo menos cinco deputados na ALPB devem andar armados

Com decreto que amplia o porte de armas para várias categorias, entre eles parlamentares, na Paraíba, ao menos cinco deputados estaduais devem andar armados. Pelo menos foi esse o prognóstico feito pelo atual presidente da Casa, Adriano Galdino (PSB).
 Segundo ele os parlamentares podem andar armados, mesmo sem alegar risco de vida. A medida, ainda segundo Galdino, não o preocupa, já que na sua concepção a minoria dos integrantes do legislativo estadual optariam por portar o instrumento.

“Os deputados paraibanos são da paz. A maioria não vai querer andar armada. Talvez só uns quatro ou cindo de trinta e seis parlamentares adotem” ressaltou.

Apesar de citar o número, Galdino não citou os nomes de quem seriam esses possíveis adeptos ao porte de arma.

Na atual legislatura, apenas três parlamentares são policiais de carreira:

  • João Henrique (PSDB)  – Oficial reformado da Polícia Militar, João Henrique
  • Walber Virgulino (Patriotas) – Delegado da Polícia Civil
  • Cabo Gilberto  (PSL) – Servidor Público da Polícia Militar da Paraíba

PB Agora

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios