Destaques

Cássio diz que acompanha o PSDB se o partido decidir por candidatura própria

Cássio concedeu entrevista durante café da manhã para a imprensa, em João Pessoa (Crédito: Reprodução Facebook / Gutemberg Cardoso)
Cássio concedeu entrevista durante café da manhã para a imprensa, em João Pessoa (Crédito: Reprodução Facebook / Gutemberg Cardoso)

O senador Cássio Cunha Lima (PSDB) participou de um café da manhã, na manhã desta sexta-feira (10), em João Pessoa, para anunciar a nova Executiva do PSDB que será oficializada neste sábado (11), durante convenção do PSDB em Campina Grande. Durante entrevista, Cássio mais uma vez foi interpelado sobre a possibilidade de rompimento com o governador Ricardo Coutinho (PSB). Mais uma vez, Cássio defendeu a manutenção da aliança, mas disse que segue o partido em qualquer hipótese, com a manutenção da aliança, ou com candidatura própria.

“O PSDB tem me acompanhado a vida inteira, em todos o cargos que exerci, como prefeito, governador e senador agora foi com o PSDB me acompanhando. Por tanto, acompanharei o PSDB sempre”, destacou.

Cássio ponderou porém, que este ainda não é o momento de se fazer essas discussões e que a candidatura de Aécio Neves a presidente não interfere na decisão do PSDB na Paraíba. Ele lembrou ainda que nas eleições de 2010, José Serra teve o melhor desempenho em Campina Grande e um dos melhores do Nordeste, sem que o PSDB tivesse um palanque na Paraíba.

“O PSDB é um partido democrático e que tem espaço para o debate interno e que respeita o contraditório, uns defendem a aliança, outros defendem candidatura, no tempo certo vamos decidir isso”, completou

O senador destacou ainda a continuidade administrativa de Ricardo que deu seqüência as obras iniciadas em seu governo, como o programa de estradas, vertentes litorâneas, entre outros.

Sobre o seu nome para concorrer ao governo, Cássio mais uma vez despistou. “Tenho dito de forma clara que não petendo ser candidato a governador, mas na hipótese de não mantermos a aliança, o partido deve ter candidato, não podemos ficar de fora da eleição, mas o partido tem vários nomes. O fantástico do PSDB é que tem alternativas e nomes para os cenários que serão decididos no ano que vem”.

Marcos Wéric
WSCOM Online

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios