Paraíba

Cartaxo se antecipa à manifestação e anuncia redução no preço da passagem

imagesO prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PT), se antecipará ao movimento que deve ocorrer na próxima quarta-feira (19) na Capital paraibana pela redução no preço passagem do transporte coletivo e anuncia nova tarifa a ser pagas pelos passageiros.

O valor da nova passagem de ônibus de João Pessoa será revelado às 10h, em uma reunião, no Paço Municipal, no Centro da cidade, conforme nota enviada pela assessoria da Prefeitura de João Pessoa.

A manifestação 

Na próxima quinta (20), uma manifestação pela redução na tarifa de passagens dos transportes coletivos promete parar o centro da Capital paraibana. Até às 08h40 desta terça (18), através de uma página do Facebook, o movimento intitulado ‘João Pessoa, avante’ já tem a confirmação de 21.231 pessoas nos protestos.

Desde o dia 1º de junho, está em vigor um decreto da presidente da república, Dilma Rousseff, que zera o PIS/Confins para transportes coletivos, incluindo ônibus, trens e metrô. A medida foi uma tentativa de reduzir o galope da inflação, que supera a meta estabelecida pelo Governo Federal.

As alíquotas do PIS e da Contribuição para Financiamento da Seguridade Social (Cofins) somam 3,65% do transporte coletivo urbano de todo o Brasil e estão zeradas.

Na última segunda-feira (17), o prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo, confirmou que a Prefeitura fará um estudo para saber da possibilidade de conceder a redução nas passagens de ônibus. Apesar disso, não foi divulgado qualquer data para esse anúncio e nem quando começaria a valer a redução dos preços. “Estamos em um processo de análise dos dados das informações necessárias para que a gente possa ter uma posição firmada. Estamos no processo inicial”, disse Cartaxo.

O decreto de Dilma Rousseff se apropria, em parte, do Projeto de Lei (PLS) 242/2012, de autoria do senador Cícero Lucena (PSDB-PB) para reduzir a carga tributária do transporte coletivo suspendendo a cobrança de impostos como o IPI, PIS, Pasep e Cofins.

A manifestação convocada pelo movimento “João Pessoa Avante” terá início às 16h, próximo ao horário de pico, com concentração no Lyceu Paraibano, de onde seguirão para o anel interno da Lagoa e a avenida Epitácio Pessoa.

Na página do Facebook do movimento tem publicações como links de matérias sobre as cidades que têm transporte coletivo de graça e uma série de enquetes que estão sendo respondidas pelos que seguem o perfil na rede social.

Logo na parte superior da página está o aviso de que “qualquer forma de violência está de fora dos preceitos” do movimento.

Na enquete sobre qual cartaz levar ao protesto, até às 10h20, 1.056 responderam que o melhor seria: “Desculpe o transtorno, estamos mudando o país”.

Outras 1.285 pessoas disseram em outra enquete da página ser contra a utilização de qualquer bandeira política nos protestos. Apenas 75 concordaram e outros 10 disseram que “tanto faz”.

 Portal Correio 

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios