Educação

Brasil ‘ganha’ quase 150 mil novos presos e se torna 3º país com maior população carcerária do mundo

4O Brasil tem uma população carcerária de 715.592 presos, divididos entre 567.655 que fazem parte do sistema e outros 147.937 que cumprem prisão domiciliar, segundo dados do CNJ (Conselho Nacional de Justiça) divulgados nesta quinta-feira (5). O número coloca o Brasil na terceira colocação mundial no ranking de população carcerária.

Antes, o Brasil só tinha os números dos presos no sistema carcerário e não considerava as prisões domiciliares. Com os novos dados, o Brasil superou a Rússia, que tem 676,4 mil presos.

Depois do Brasil, no ranking mundial da população carcerária, a segunda posição pertence à China, que tem 1,7 milhão de presos, e a liderança é dos Estados Unidos, com 2.228.424 presos.

A maior parte dos presos brasileiros está no Estado de São Paulo, que tem 297.096 presos (quase 205 mil presos e 92,1 mil em prisão domiciliar), de acordo com o CNJ. O número representa 41% do total, ou seja, de cada dez presos, quatro estão nas cidades paulistas.

A segunda posição entre os Estados brasileiro pertence a Minas Gerais, que tem 57.498 presos no sistema e 10.954 em prisão domiciliar — no total, 68.452. Completa o “pódio” o Estado do Rio de Janeiro, com 37.453 presos — 35.611 no sistema e 1.842 em prisão domiciliar.

Um dos principais alertas do estudo do CNJ diz respeito ao número de vagas do sistema carcerário. Faltam 210,4 mil vagas no sistema carcerário brasileiro. No entanto, considerando quem está em prisão domiciliar, o saldo negativo aumenta para 358.373.

Brasil x países emergentes

A população carcerária brasileira é muito maior que a de países emergentes como Argentina, México e África do Sul — vale lembrar, no entanto, que a população absoluta desses países é muito menor que a brasileira. A Argentina tem 62,2 mil presos; o México possui 249,9 mil detentos; e a África do Sul mantém 157,4 mil presos. Na Alemana, para efeito de comparação, tem 62,6 mil presos.

 

Do R7

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios